Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

How Everything Changed?

How Everything Changed?

28
Out17

Por entre as paredes que escondiam-me| Capítulo 9

Naquela noite foi simplesmente para a instituição novamente, com um sorriso na cara e adormeci na minha cama logo que me deitei lá, senti algo muito estranho em mim, mas principalmente depois deste pressentimento em que acordei, algo estava a acontecer na minha cabeça, recordações assustadoras. "Sai daqui!!!" um homem pronunciava o alto para uma senhora que tinha um bebe nos braços, o bebe era eu?" A minha cabeça começou a rodar repentinamente, tonturas, imagens distorcidas, a minha mãe a deixar-me cair no átrio o meu pai para a minha mãe, aquela criança... Era eu! ERA EU!!!

Rapidamente luzes acenderam-se e avo deles saiu da porta até vindo ter comigo, ela corria para mim, eu não sei o que se passava comigo. Sei que quando fechei novamente os olhos estava deitada numa maca, estava alguém a apertar me as mãos, algo não deixava-me sair dali, parecia que estava num colete de forças. Queria sair dali, queria ir ter com a minha mãe... Sussurrei calmamente, "Mãe... Por favor, mãe...", chorava sobre aquela maca, estava assustada, nenhuma cara reconhecera.

******

O Sthpen desta vez olhava-me cuidadosamente nos meus olhos e disse-me, "Tem calma, Rita, tem calma" chamando a enfermeira, eu disse-lhe:

-Sthepen por favor eu não quero dormir mais...- disse olhando para os seus olhos pedindo súplicas.

-Rita, meu amor, está tudo bem. Eu estou aqui...- disse-me ele olhando para os meus olhos e sorrindo-me

Momentos depois estava a dormir calmamente novamente, acordei e era noite, arrancando as seringas e fitas que me prendiam, já não estava em nenhum colete de forças e rapidamente sai sem ninguém dar conta do hospital.

Eu conhecia aquela casa, conhecia aquela casa, eu só queria a minha mãe, sabia que ela estava ali, só tinha de a encontrar.

Percorri aquelas ruas de Inverno frias, até aquela casa e foi batendo a porta até alguém responder-me... Uma senhora saiu da casa de robe e eu abracei-a repentinamente e com força, sussurrando para o seu peito, "Mãe, mãe por favor não me abandones novamente, mãe..." disse eu triste quando ela se afastou do meu abraço e fechou me a porta na minha cara. Eu gritei:

-Mãe!!!!

Não sei o que aconteceu precisamente depois, sei que alguém me agrarrou com força e deu me algo e simplesmente apaguei, se calhar o melhor era mesmo apagar para sempre, não ter de sofrer mais... 

Resultado de imagem para medo tumblr

O que acham que vai acontecer? Gostaram deste capítulo?

Eu não sei se está quase a acabar, mas esta um pouco na reta final, tem alguma suposição de como vai acabar?

Espero que tenham gostado

Beijinhos da Only one Girl

26
Out17

Tag| 10 perguntas sobre mim

Olá

Hoje trago-vos mais uma tag, desta vez foi a Sofia que me nomeou muito obrigado pela nomeação, adorei o conceito desta tag, por isso vamos lá responder: :)

1- Quais são as tuas 3 músicas favoritas?

 

Hero do filme Sterling Knight, Who are You da Jessie J. e Ponto de Partida do Diogo Piçarra.

2- Tens algum medo que seja estranho?

 

Acho que não

3- Banda favorita?

 

A minha banda favorita... Acho que é os 1D apesar de já não existirem, pena...

4- Qual é a música que mais odeias?

 

Concordo completamente contigo Sofia, despacito...

5- Para ti, qual é o relacionamento perfeito?

 

Um relacionamento perfeito é aquele em que os dois que estão envolvidos sejam felizes, tenham confiança um com o outro, amem-se e ajudem-se muntuamente, acho que só assim é que se pode descrever algo dentro dos paramentros do perfeito. Apesar de não haver nada perfeito se não não teria piada.

6- Se pudesses reviver qualquer acontecimento da tua vida, qual seria?

 

Acho que a visita de estudo do ano passado, foi um movimento incrível mesmo :)

7-Estás feliz com a pessoa em que te tornaste?

 

Sim acho que sim, apesar de ainda haver algumas mudanças que quero fazer em mim, nunca nada é perfeito, mas gosto muito de quem sou :)

8- Guardas rancor das pessoas que te magoaram?

 

Rancor nunca guardei, também não esqueço o que aconteceu, mas para mim esta tudo bem.

9- O que estavas a fazer ontem às 15:00?

 

Estudar Geografia acho :D

10- Como é que alivias a raiva?

 

Treinando, batendo em algo, algo que possa completamente descarregar.

 

Espero que tenham gostado desta tag, eu adorei responder as perguntas. Muito obrigado novamente Sofia.

Para ela nomeio a Simple Girl, a Tatiana e a Twilight.

Resultado de imagem para imagens tumblr preto e branco

Espero que tenham gostado,

Beijinhos da Only one Girl

23
Out17

Amor

O teu sorriso, o meu refúgio, é como se te respirasse, tu preenchias-me de forma que desconhecia até hoje. Sei que é errado, sei que é errado depender de ti, mas sempre que preciso de ti tu estás lá. Confio em ti sem dizer palavras, confio-te em ti os meus segredos e nenhum foi prununciado. Fazes o meu dia melhor, o amor doi tanto. Ele é estranho, mas amar-te não poderá ser um segredo para o meu coração. Porque doi tanto uma coisa tão bela? 

Custa-me ver todos os meus sentimentos partidos quando outros sentimentos nutrem algo maior com o meu, com resposta. Mas o certo é manter o meu coração em concordância com a minha cabeça em silêncio, não pronunciar alto e continuar-te a amar no silêncio dos susurros doutros sentimentos

Disfarço bem, disfarço mal? O teu sorriso para mim é um rémedio e um veneno, faz-me quer mais, mais de ti, mais de mim. Disfarço o quanto posso, o amor é doloroso, um refúgio, o amor és tu, o que tu não sentes por mim e o que eu daria por ti. Sei de todas as posibilidades, conheço-as, mas foste o primeiro, o primeiro que quis realmente mais, que simplesmente queria contar-te tudo. Como sussuros em segredo prununciados ao pôr-do-sol.

Escondes-os? Se te contar? Ou os meus sentimentos vão deixar de ser meus se tudo for relevado? Este texto é demasiado privado ou tu já sabes de tudo o que sinto, por todos os meus impulsos? Eu não posso culpar-te mas foram os teus olhos, foram os teus toques e os teus olhares que me fizeram apaixonar por ti. 

Sai! Sai daqui, não quero mais que este sentimento me persigua, eu quero concentrar-me quero viver em paz de ti. Queres mesmo, o seu olhar sussurando pergunta-me... E tudo o que tinha posto na cabeça acabava ali e novamente rendida ao seu encanto estava eu.

O maior problema é que não sou uma princesa que não mereço a mão delicada deste princípe...

Imagem relacionada

Enquanto estava a estudar, veio-meuma ideia muito estúpida a conversa, fazer um texto romântico, com situaçoes fícticias ou não. Nomear algumas bloggers para fazer o mesmo, assim vendo as diferentes opiniões de cada pessoa.

O tema do texto é completamente livre apenas tem de ser sobre um romance, e gostava muito de nomear a Sofia, a Maria, a Simple Girl, a Tatiana, a Twilight e a Bella.

Vai ser um desafio de escolha, se quiseres ou não fazerem. :)

Beijinhos da Only one Girl

21
Out17

Por entre as paredes que escondiam-me| Capítulo 8

Ele fez-me o prometido, levou-me as aulas da manhã. No final da manhã, quando ambas as aulas acabaram, guiou-me até ao seu carro e com muito protesto meu vendo-me os olhos...

Percorremos alguns minutos de puro silêncio no seu pequeno carro apenas ouvia-se alguns barulhos vindo dele, ele ás vezes acariciava-me as pernas e as mãos cuidadosamente e delicadamente, eu sentia que ele ainda culpava-se do irmão e de algo entre nós, mas só queria...:

-A sério Sthepen ainda falta muito?- disse eu como uma criança

-Rita!? Pareces uma criança a perguntar aos pais...- disse ele com ironia e a gozar comigo.

-Quero beijar-te...- estava mesmo a precisas da sua harmonia em mim para me concetar e ajudar sobre tudo, eu vergava as mãos tentado furar a pele e derramar sangue com as minhas unhas. Mas ele impedia-me sempre

-Rita, eu estou aqui bem para ti, nada faz sentido, nada de sangue e morte faz sentido. Tu! Tu mereces a vida...- dizendo-me isso, foi me tirando delicadamente a venda.

Ainda não tinha abrido completamente os olhos quando ele beijou-me delicadamente dando me uma mordida no meu lábio, os seus lábios provocavam-me sempre uma onda de prazer demasiado grande. Ele era a minha ancora, mas também tornava-se o meu pecado. Quando os dois paramos para recuperar o folêgo, uma paisagem incrível tomou conta da minha visão. um pequeno rio via-se nas profundezas da vegetação verde. Algo que é imensamente característico das terras do Norte.

Maças, Laranjas e castanhas caiam por aquele chão imenso de cor, ele sorriu para mim quando viu todo aquele meu espanto e colocou me a frente o exemplar do meu livro favorito, "After", eu sorri. Com o meu coração completamente cheio, amava-o tanto... Ele sabia todos os meus vícios e favoritos.

-Eu prestava-te atenção já antes, eu conheço-te Rita, e quero conhecer-te mais se me deixares...- disse-me ele agarrando a minha mão e percorrendo aquele caminho cheio de uma imensidão de natureza.

Sentei-me delicadamente e ele deitou se ao meu lado pondo a sua cabeça no meu colo enquanto fazia-lhe pequenas carícias e festas na sua cabeça e dava-lhe beijos de juramento eterno. Ele houve uma certa altura em que adormeceu e eu aproveitei para trazer o livro comigo e lê-lo.

Folhei o meu livro, o dia já estava a escurecer quando ele pegou no meu livro e derramou-o para o chão e aponderou-se completamente de mim e dos meus lábios. Eu queria o e ele também...

****

O dia acabou com o seu beijo que me acalmava e com adeus e Olá a sua "avó".

Resultado de imagem para everything everything4

O que acharam deste capítulo? Sei que foi um pouco grande,

Pensavam que seria outra coisa? Gostaram deste momento assim mais romântico para os dois?

O que acham que vai acontecer?

Espero que tenham gostado,

Beijinhos da Only one Girl

19
Out17

Review: Filmes que ando a ver #6 (dedicado a Harry Potter)

Olá :)

Hoje trago-vós aqui o último post dedicado ao Harry Potter, pelo menos em relação aos filmes, que são os últimos dois, Os Talismãs da Morte, não sei se foram os meus favoritos mas adorei imenso, mesmo! Por isso, vamos lá:

Os Talismãs da Morte- Parte 1:

#1.jpg

 Neste filme, Harry está quase a ter 17 anos logo tem de ser trazido para um lugar seguro, mas como o Voldemort e os seus seguidores sabiam desta transição todos assumiram a figura de Harry Potter, mas infelizmente o Olho-Maluco morre por causa de assumir a sua forma. 

Logo a seguir, existe o casamento do irmão mais velho do Ron, onde todos estao naquela tenda mas ela numa certa altura vai ser invadida pelo Voldemort e os seus seguidores por isso todos vão ter de se separar.

Hermoine, Ron e Harry vão ter de separar-se das suas famílias, Harry da sua amada Ginny. Durante este afastamento total do mundo e mudar de sítio em sítio periodicamente, Harry e Hermoine tentam encontrar mais e mais Hocruxes onde os dois vão-se aproximar cada vez mais. Mas, como esta relação afeta Ron eles separam-se num período de tempo onde Harry e Hermoine descobrem mais pistas para Hocruxes.

Ron volta e o grupo junta-se novamente e unem-se, apesar de Hermoine continuar um pouco chateada com o Ron, mas tudo vai ficar bem e vão descobrir mais algumas peças essenciais para o próximo filme. Acho que este filme é essencialmente isto uma formação do grande final e esplêndido. Mas apesar disso gostei muito dele :)

 

Os Talismãs da Morte- Parte 2:

#2.jpg

 Neste último filme, Harry tem de encontrar os últimos três Hocruxe's pelo filme vão encontrando e destruindo-os. Um dos que tentam encontrar é a Taça de Hufflepuff em que tentam encontrar no cofre de Bellatrix, com ajuda de um duende que os engana para ficar com a espada dos Griffindor's. Após esta tentativa, vão a escola com ajuda do irmão de Dumbledore para procurarem por outro Hocruxe's. Onde Minerva ajuda Harry em relação ao Snape. Como Snape foge, Minerva é agora a diretora de Hogwarts, onde ela espalha um feitiço de proteção pela escola e Hermoine e Ron destruiem a Taça, como Voldemort sentiu aquele pedaço de alma a ser destruído consegue ultrapassar a barreira imposta por Minerva. O Remu's, Fred e Tonks morrem neste duelo com os seguidores de Voldemort e Voldemort. Mas como Voldemort roubou a varinha mais poderosa de Dumbledore e quem matou-o foi Snape, Voldemort mata Snape para ter em posse a sua varinha. Mas antes de Snape perder totalmente a consciência, entrega a Harry uma lembrança. Onde Harry percebe que Snape era um dos homens mais bondosos que conheceu. Ele matou o Dumbledore porque ele mesmo o disse para fazer, fez o voto perpéteu também por isso e Harry percebeu que apesar de tudo, Snape sempre tentou o proteger. Ele amava a sua mãe completamente, mesmo, mesmo odeiando o seu pai, ele sempre protegeu o Harry. Foi o meu momento favorito desta saga sem dúvida. Esta memoria também é um Hocrux. 

Com o que o Dumbledore deu-lhe antes de morrer, ele encontra lá a pedra da ressurreição, encontra os seus pais, Lupin's e Remu's. Encorajando Harry a combater Voldemort. Voldemort lança-lhe a sua maldição, mas percebe com uma memoria com Dumbledore, que como ele voltou com o sangue de Harry não pode matar, Harry. Finge-se de morto, e consegue enfrentar novamente Voldemort, mas tenta matar a serpente o último Hocrux mas fracassa. Harry consegue matar Voldemort e parte a varinha e os seus seguidores sao levados para a prisão. 

Depois tem uma passagem com os filhos do Harry, Hermoine, Ron e Giny, que achei super querido o momento em que ele diz ao filho que tem os apelidos de dois diretores muito importantes, Snape e Dumbledore. Também explicou que ser dos Stylerin não tem mal, já que Snape era um homem super bondoso e era de lá.

 

Já viram estes últimos filmes? Gostaram? Qual foi o vosso momento favorito?

Espero que tenham gostado,

Beijinhos da Only one Girl

12
Out17

High Strung| Violino

Eco…

Melodias das tuas notas…

Tocadas em mim…

Está personalidade que interpretas…

Parecendo que estás possuído…

A transição que sinto.

A tua transição de notas, no meu corpo é vívida

A intensidade da melodia que ergues

Despertará o que sempre quiseres…

Pará, olha em o teu redor!

Recorda o que sentes, quando tocas.

O modo como me olhas,

A transição que sinto.

A tua transição de notas

A intensidade da melodia que ergues

A minha alma está com sifónia a tua

Cada nota acima do tom,

Apenas me faz preencher a memória.

Recordar.

A forma como tocas-me e o tocas…

A melodia que tens envolvida nas mãos.

A transição que sinto.

A tua transição de notas, no meu corpo é vívida

A intensidade da melodia que ergues

Despertará o que sempre quiseres…

 

Espero que tenham gostado, este texto já tem pelo menos um ano, mas decidi publicar agora.

Recomendo mesmo muito o filme, o que acharam do texto?

Querem que faça mais do gênero?

Beijinhos da Only one Girl

10
Out17

Tag| Já fiz/ Nunca fiz

Olá :)

Hoje trago-vos mais uma tag que adoro fazer e desta vez foi nomeada pela Tatiana que desde já agradeço muito a nomeação. Esta tag consiste em responder já fiz nunca fiz, por isso vamos lá:

 

85085081bfbbe478f63a5393a811cefa.jpg

Regras do desafio:

1º Responder a todas as perguntas apenas com "Eu já" ou "Eu nunca" .

2º Responder à última pergunta com "sim" ou "não".

 Colocar a imagem oficial do desafio (obrigatório).

4º Referir quem vos passou o desafio .

5º Passar o desafio a pelo menos 4 pessoas (semi-obrigatório)

 

1 - Eu nunca fiz um interrail.

Nunca e acho que também nunca vou fazer, é algo que a minha mãe não quer que façamos e também não vejo-me a sair de Portugal assim e ir para outro país desconhecido.

2 - Eu já participei em algum concurso. 

Se por concurso poderá se descrever aqueles básicos da escola, já participei em alguns até.

3 - Eu nunca conheci a pessoa que mais admiro.

4 - Eu já caí na rua.

 Demasiadas vezes, o chão adora-me :P Eu já

5 - Eu nunca desmaiei.

Nunca 

6 - Eu nunca estive em coma alcoólico.

 Também nunca, nunca se quer bebi...

7 - Eu já experimentei drogas.

 Comprimidos? Já muitas e diferentes e alguns com sabores péssimos. Agora sem brincadeiras, nunca.

8 - Eu já me vinguei de alguém que me fez mal?

 Já

9 - Eu já tive um acidente?

Nunca.

10 - Eu já andei de avião.

Nunca

11 - Eu já bebi demais.

Nunca, não bebo.

12- Eu já confundi uma pessoa com outra.

Já, mas pronto ninguém leva a mal :P

13 - Eu nunca me perdi num país/cidade estrangeira.

Nunca

14 - Eu nunca tive uma experiência paranormal.

So dejá vú.

15 - Eu já roubei.

 Nunca

16 - Eu nunca apaguei nada do facebook por ter poucos likes.

Que lembre-me não, publico poucas coisas.

17 - Eu já trai alguém.

Nunca

18 - Eu nunca disse que ia deixar de falar com alguém que me magoou mas não o fiz.

Acho que nunca disse a alguém, mas a mim própria sim. Já

Respondi com sinceridade a todas as perguntas?

 

Sim :)

 

Nomeio para responder a esta tag a Hipster Chique, a Maria, a Sofia e a Uma carta fora do Baralho.

Espero que tenham gostado, das minhas respostas.

Muito obrigado novamente Tatiana pela nomeção

Beijinhos da Only one Girl

07
Out17

Por entre as paredes que escondiam-me| Capítulo 6

-Eu... Eu não sei ainda bem tudo o que te dizer, lamento imenso mesmo muito, o Jonh nunca me tinha contado quase nada, a tua vida e a dele foram tão díficeis... Fizeste lhe tanto mal e ele ainda assim está aqui e tolera-te...

-Eu sei, eu sei sou uma besta, mas desculpa, não há nada que neste momento eu possa fazer se não faria, faria tudo para corrigir tudo o que fiz, mas não posso fazer nada, nada! Desculpa-me, ele está a tua espera, vai ter com ele por favor... É o melhor que poderás fazer, ele não merece-me... Nem tu a mim!- disse o Sthepen caminhado por aquela estrada que tanto andava a destinar o meu futuro...

-Não é uma questão de escolher, é uma questão do coraçao, de quem o meu coração escolhe e ama mais. E tu, ele nunca entrou em divergência com a minha cabeça, ele sempre disse-me que eras certo que a ti poderia amar-te e tudo ficaria bem. Não sei quem ele escolherá daqui a alguns anos, mas hoje és tu. Posso te dizer com todas as certezas. Amo-te Sthepen.- dizendo eu por fim

-Mas... Mas como é possível? Eu fiz tantas asneiras contigo e com eles... Rita, eu não mereço-te nem farei-te bem.

- Sthepen, tu não escolhes o que ele faz, nem eu, ele escolheu-te a ti e já perdi demasiadas coisas para perder o teu amor. Em relação ao teu passado, também tenho um passado sombrio os dois temos, porque não pegamos na nossa caneta e juntos escrevemos e traçamos o noss destino, a nossa história diferente? Faremos melhor e seremos melhor, está bem?- disse eu com um sorriso na cara, nós os dois nao erámos assim tão diferentes, os dois tinhamos passados sombrios que nos atormenavam- Cabe ao amor escolher o bem e fazer o bem, acredita em mim, no amor e na vida. Tudo ficará bem.- disse eu por fim

-Eu acredito em ti, Rita. Obrigado por seres a única pessoa que depois de tudo o que fiz acredita em mim e confia em mim. Amo-te muito, Rita.- disse ele puxando-me para aquele banco que ainda ontem estava sentada com uma pessoa que realmente não amava como está, está que amo incondicionalmente.

Beijou-me delicadamente, enquanto eu preenchia o espaço restante nas nossas bocas com a minha língua, o beijo transformou-se em intenso e caloroso. Em um toque ele deixava-me a ferver e eu espero que deixara-o também.

Dois dias depois,

Tinha acabado de sair do banho, já me encontrava na instituição e uma carta que apresenta-a, a sua caligrafia estava ali mesmo em cima da minha cama:

"A vida é sombria, o amor delicado, a nossa vida é ainda mais sombria mas como uma enequação ela equilibra-se o nosso amor é delicado,apaixonante e bom. A melhor coisa que tive na minha vida, és a melhor coisa que tive na minha vida. Quando fito os teus olhos, parece que tudo realmente se conecta em mim, de uma forma improvável, mas tão boa, tão nossa e fantástica.

Nunca pensei que poderia te tocar que poderia dizer que o nosso amor é conrrespondido, mas afinal o amor é improvável, supreendente, é a nossa sombra que corre até nos assombrar e completar-se em nós. Obrigado mesmo por ter-te e por me teres restauraod todas as minhas feridas e cicratizes. Remendas o físico e curas o interior, o amor é assim? Assim tão bom? 

Obrigado por tudo, 

Com amor Jonh"

Resultado de imagem para dear john

Espero que tenham gostado deste capítulo,

Este capítulo é assim mais romântico e também com pontos essenciais para o decorrer da história.

O que acham que vai acontecer nos próximos capítulos?

Beijinhos da Only one Girl

05
Out17

The Pinterest| Favourites pictures of Fall

Olá :)

Hoje trago-vós um post que já trouxe um mais idêntico mas sobre as minhas coleções no pinterest, desta vez é sobre o Outono, trago-vos cinco imagens que acho que representam muito muito bem o meu outono, por isso vamos começar:

1# Look

fall #1.jpg

Acho este look mesmo lindo, porque eu adoro vestidos em todas as estações, mas costumo usar com ums collants opacos. Adoro também as golas que são sempre quentinhas e acho que neste look combina mesmo com as meias de serem da mesma cor. Sem para falar nas botas, que são absolutamente lindas!

2# Hot in Fall?

fall #3.jpg

 Lenha e lareiras acendidas é das coisas que mais adoro no inverno e outono porque fica mesmo um lar acolhedor e quentinho e nao há melhor que isso no Inverno.

3# Breaksfast in modd Fall

fall #2.jpg

Acho que esta imagem esta mesmo querida e fofinha, tens as folhas d eoutono que adoro saltar nelas, em pequena saltava tanto (nostalogia...). Também tem o fundo que dá um ar mesmo acolhedor e claro a comida as panquequas óptimas e chá ou chocolate quente que não adoro :P

4# Punpkines

fall #4.jpg

 Acho que está imagem esta mesmo outonal, com as abóboras que gritam Hallowen, também claro com o docinho de abóbora o campo e o tempo assim mais "tristonho"

5# Relax

fall #5.jpg

Esta imagem esta bem relax, com o chocolate quente, a velinhas, as mantas, livrs e escrita e desenho que adoro. Passaria um outono perfeito a fazer isto, acho que esta imagem está mesmo linda e querida.

 

Qual foi a vossa imagem favorita? Qual é o cénario que mais gostam no Outono?

Espero que tenham gostado deste post

Beijinhos da Only one Girl

 

02
Out17

Tag| Sweater Weather

Olá :)

A Sofia  nomeou-me uma tag, que se chama Sweater Weather que fala do Outono, a minha estação favorita do ano, logo enquadra-se aqui muito bem na rubrica do blog sobre ele. Que desde de já agradeço muito a Sofia por ter me nomeado.

1- Fragrância de velas preferida?

 

A minha fragância de velas favoritas sem dúvida que é baunilha, um clichê mas cheira super bem sempre e fica sempre bem. Apesar de também adorr o cheirinho que a de frutos vermelhos espalha pela casa.

2- Café, chá ou chocolate quente?

 

Eu não gosto de leite por isso a última opção descarto já, mas gosto muito de café apesar de não beber diariamente. Já chá, sim bebo diariamente. Por isso o chá :)

3 - Muda a rotina de maquilhagem consoante a época quente?

 

Eu não maquilho-me por isso não mudo.

4- Chapéus ou lenços?

 

Eu adoro chapéus, mas tenho a cabeça gigante por isso não cabo, mas gorros já consigo, já lenços em si não uso muito. Só golas, por isso escolho gorros que acho que enquadra-se.

6 - A cor de verniz que mais uso?

 

Não tenho hábtio de pintar as unhas, por isso não tenho cor favorita, mas adoro bordo.

8 - Calças justas ou leggings?

 

Leggins sem dúvida, eu adoro leggins para sair rapidamente, dar um passeio, ir a escola, quando estou doente são óptimas, confortavéis e bonitas. Já jeans não sinto-me confortavél por mais que queira.

9 - Botas ou Uggs?

 

Botas, não tenho muito dizer é o que sempre usei no Outono.

10 - Qual a tua coisa preferida nº1 do Outono?

 

É sem dúvida as cores quentes, que transmitem-se nas frutas nas folhas adoro a harmonia de cores do Outono.

11 - Música que te põe no mood de outono?

Não é uma que ouço sempre, mas ando a ouvi-la muito agora chama se Replay, do Corey.

12 - Como é o outono onde vives?

 

O outono onde vivo é o Outono normal que devia acontecer em todo o Portugal, ameno que use-se mangas comprimidas, não muito frio nem quente.

 

Está foi a tag, gostei muito de responde-la, acho uma tag muito divetida e boa agora para o Outono, por isso nomeio todos os que quiserem responderem. Obrigado novamente pela Nomeção, Sofia.

BeFunky Collage (2).jpg

Espero que tenham gostado,

Beijinhos da Only one Girl

 

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D