Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

How Everything Changed?

How Everything Changed?

09
Set16

Passado, Presente e Futuro... ( inspiração)

- Cláudia, o que se passa não postas, por que?- diz a minha cabeça constantemente. -Cláudia, escreve!

Quero realmente escrever, abro a página de " Novo Post". Abro outras e depois de escassos minutos fica apenas com esta aberta. Uma recordação que tenho de escrever, um aviso constante. Encaro-a e novo, minutos fico a olhar para ela. Penso e cada vez penso mais... O que realmente ide de escrever? Reviro a minha mente, tem ideias mas ideias essas que não se realizam. Tem que ser trabalhadas se calhar com mais uma belas e longas noites de sono... Quero escrever algo, por mim por mais ninguém... Quero reler algo, abro de novo outra páginas mais minutos e ideais voam por um mar de vai regressar ao seu porto. Mas, lentamente...

Tenho tanto e nada para dizer, coisas que realmente ninguém quer ler. Desabafos estúpidos, coisas irritantes. Pensamentos que nem devia ter a ideia dos ter, quanto mais me irritarem a esse ponto... Sinto algo que me está a prender de fazer o que quero. A minha testa dói-me, uma veia prende a minha visão. Fecho os olhos, tanto que vejo, tanto que ficaria tão bem transmitido para o teclado que me separa deste ecrã iluminado. A minha cabeça não está assim, iluminada com um brilho tão grande ela está apenas com um ecrã escuro e diferentes e pequenos pontos de luz. Parece um céu de inverno negro com várias e espalhadas estrelinhas. Com o silêncio da minha música deprimente, o arrepio de os meus dedos tocarem na minha pele. Apenas queria continuar como estou, sabendo que nada vai acontecer, não tenho medo de nada assim. Estou apenas sozinha... Mas, vou ter que me levantar.Rever coisas e pessoas que não quero. Eu sei que a vida não é como eu quero, mas não sei... Por que é tão difícil? Eu sei, que todo vai passar o que realmente estou a sentir. Vai passar e vou ficar bem, mas agora apenas queria ficar aqui. Não me queria levantar. Ás vezes a Cláudia alegre, também se some. A Cláudia alegre, não é permanente. É bastante presente mas vai se embora. A fala, o sorriso, o que me característica... Mínimos pormenores, mas que se percebem somem. 

Como é que coisas do passado, podem atormentar tanto o meu presente? Coisas que já nem deviam estar na minha mente e estão a preferir todo o meu corpo e a esmaga-lo. Estes pensamentos não deviam voltar, nem me abalar tanto como o estão a fazer. Tenho de descobrir novas armas, novas técnicas apenas para ultrapassar mais uma batalha... Mas há tanto mal neste mundo e estou apenas preocupada com simples e meros problemas de adolescentes. Que nenhum sentido fazem. Parece que apenas aqui me sinto bem a desabafar e mesmo assim não passa, a dor continua debaixo do meu estomâgo...

Está espada, apenas me atormenta, apenas me magoa interiormente. Exteriormente o mesmo sorriso empara em mim como sempre...

Resultado de imagem para sofrimento tumblr

Beijinhos da Only one Girl

 

11 comentários

Comentar post

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D