Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

How Everything Changed?

How Everything Changed?

17
Dez17

Sombrio... Desculpa!

Não sei onde me encontrar, procuro entro o céu um guia. Recordo as cartas, aquela dor de relembrar o passado assombra-me, o frio que ela provoca-me, faz gelar-me o coração. Sinto como que não era possível mais amar, que não podessem tocar-me, sairia um monstro de dentro de mim. Quando os raios de sol tentavam passar por entre a minha pele, eu escondia-me, o gelo, acustamava-me a sua dor, a sua ferida.

Era como se do meu toque, saísse algo imensamente maligno, eu escondia-me. Tentava tapar-me. Mas quando os olhos dele, navegavam sobre as minhas luvas eu corria sem mais nada. Quando os seus lábios aproximavam-se dos meus eles magoavam-no. Um poder, um terror, uma dor... Era amor verdadeiro, este era o meu problema.

Parecia que a dor convidava-me, a algo, algo muito sombrio. Ele chegava a tempo de me tirar das chamas do fim, ele amava-me e puxaria-me do fogo. Mas um dia, um dia foi tarde demais para ele parar-me, os seus olhos choravam com aquele cenário. O seu coração, pertencia ao meu e o meu ao dele. Ele não poderia interessar-se por alguém que representa a dor e o terror, quando ele era o bem.

No silêncio do terror, ele apenas podia proclamar que amava-me, porque quem tinha toda a culpa era eu. Era fraca, eu só me conseguia ter entregado a dor, a falta de ar, de amor. Quando tudo o que tinha dentro de mim graças a ele, era amor. Podia implorar-me, quando a culpa era a minha essência. Ele pensara descobrir algo dentro de mim que curara-me. Na verdade, não, ele não o encontro. Ele tento convencer-se que curou-me, quando eu sim curei-o do mal que poderia aponderar-se sobre ele. O fogo, a dor, o maligno, afastei-lhe do meu coração e eu amava-o. Mesmo com toda a dor que permancei-a nele.

 

 

Resultado de imagem para triste tumblr

Beijinhos da Only one Girl

2 comentários

Comentar post

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D