Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

How Everything Changed?

How Everything Changed?

27
Set17

Que nos reencontraremos novamente #2

E amo-te e sempre amarei...

Quando voltaste, quando os teus olhos sorriam viotoriosos, eu não me consegui conter, disseste a verdade. Estamos juntos novamente, eu só me consegui lançar para os teus braços. Só queria lançar-me para os teus braços, para ti. Sentir-te para nunca mais perder-te, hoje tinha sido eu que esperava horozontes e oceanos por mim, ontem tinhas sido tu. Não seria coincidência a mais, o universo não queria nós juntos? Eu queria tanto, mas e tu?

Queria sussurrar-te ao ouvido tudo o que sentia, mas não o podia fazer, tinhámos de por mãos a o trabalho e vencer a nova guerra com a tua luz. Uma guerra contra a natureza a batalhar com a nossa, a nossa sobrevivencia. Nada nós garantia que íriamos sobreviver os dois ou mesmo que nós iriamos ficar juntos, mas o meu coração pertencia-te, por quantos amores que tive o teu sempre esteve lá. Mesmo quando beijei rapazes ou raparigas, sonhava contigo quando a noite se alistava a mim e o sono se apoderava. Funcionavamos pela guerra, conhecemo-nos nela e quem sabe iríamos perder a nossa vida a lutar...

Quando chamavas-me princesa, com um gozo subtil na voz, eu acreditava que era de coração, porque o teu sorriso sempre lá esteve e o coração nos teus olhos que transpareciam. Era tão bom amar-te, fitar contigo as estrelas, tocar-te. Na guerra tudo valia, mas parece que o que menos valia era o amor verdadeiro pronunciado, esconderia o meu amor por ti por cada sorriso, lágrima que secavas, momento...

Amarei-te sempre, pela guerra, pelas estrelas, pelo céu, por ti, és incrível!

Resultado de imagem para bellamy e clarke tumblr

Beijinhos da Only one Girl

19
Set17

Que nos reencontraremos novamente #1

Terror, escuridão, guerra sobrevoava por nós. Todo a nossa volta era um terror profundo que tínhamos de aguentar sem mais nada a dizer. Nenhuma palavra pronunciávamos sobre a guerra, mas todos sabíamos que mesmo que ela não existisse no ambiente existia dentro de nós, de mim, de ti... Tu não sabias era que eu via a luz para acabar com a guerra em ti, na tua capacidade de liderar, na tua bondade, na tua convicção. Tu eras um líder, do nosso povo, da terra do meu coração.

 Tu partiste, nada nós dizia que poderíamos voltar a ser ao que eras, que a frase, "que nos reencontraremos novamente", iria permanecer verdadeira, que irias beijar a minha face quando voltasses. Tu eras um guerreiro, eu era uma comandante, chamavam-nos aos dois líderes, mas tu qualificavas-te apenas como guerreiro. Eras-o, mas esqueceste-te que eras e és muito mais que isto. Tu tens uma personalidade, um coração, uma bondade! Nunca te esqueças disto, porque é a mais verdadeira das verdades que a minha boca pronunciou.

Tu beijavas-me por meio da noite todas as noites com um abraço, por meio de um beijo carregado de luz que me fazia a ver, que me fazia lutar. Mesmo quando te deixei foi para o nosso melhor, sei que ficaste a olhar por entre os horizontes e oceanos. Mas tu sabias que eu estava sempre contigo, que iria estar sempre pelos teus braços a abraçar-te.

Mesmo que tivesse mil amores, tu permaneceste do início ao fim, salvaste-me tantas vezes que só queria te beijar, mas eu tinha mais amores e tu a tua guerra interior contigo próprio que não era capaz de fazer-te esquecer. Éramos os dois a combater a guerra, sozinhos, mas muitos... E eu amei-te... 

Resultado de imagem para bellamy e clarke tumblr

Beijinhos da Only one Girl

 

07
Set16

Vida...

Vida. Descreve-se somente com uma palavra: " Vida". Simples e fácil, apenas duas silabas descrevem todo o que já escrevi e vou escrever, o que vivi,o que sonhei, todo somente todo... A vida é todo, mas não se pode dizer nada! Por mais que estejamos chateados com ela, como alguém pode dizer: " Quero acabar com a minha vida!". É a coisa mais mágica que alguma vamos poder ter. Diferentes pessoas, nascem com destinos completamente diferentes, mas da vida podemos fazer todo o que quisermos... Corre, sonha, realiza, erra! " A vida premeia os corajosos. Confia na vida." Tens as tuas próprias armas, encontra-as. Se precisares percorre o mundo inteiro, grita! Não tenhas medo. A vida não é este texto que aqui escrevo, não são textos do mundo, a sempre algo que nós escapa. Mas luta para encontrar o máximo de coisas que te é possível. Imagina que tens umas asas nas tuas mãos, mesmo invisíveis percorre o mundo com ela, descobre algo. Há tantas coisas, que podemos viver. Amar, odiar, sentir, experimentar, vive a tua música, a tua melodia, canta-a descobre-a! Faz o que a tua alma e o teu coração querem, segue-os. Mesmo que doa, mesmo que sofras,vai todo passar. A vida tem tantas provas para nós dar, tantas recompensas, tantos momentos tristes e felizes. A vida não é um filme... Num filme todo é rápido, não se pode comparar... Podes ter um final feliz ou triste, mas não são apenas finais, são todo o que chegas até ao final. Todos os momentos, aproveita-os! És alguém, que tem o poder de mudar, de ajudar, de todo. Tens tanto poder dentro de ti, se calhar sozinha não chegas longe mas com alguém chegas... Esquece os medos, esquece quem não acredita em ti, luta! Mesmo que todo pareça mal, vai melhorar sabes que sim. A vida tem as suas batalhas, mas tu tens a arma para todo basta a saberes usar, mesmo que percas uma batalha a tantas que podes provar quem realmente és... Não te intimides com o caminho que tens que percorrer é mais fácil do que pensas, quem sabe, ninguém sabe realmente qual é. Por que este caminho Deus pode influenciar, tanto como o destino, mas tu também dizes muito a cerca dele. Deixa a tua marca onde passas, a sempre alguém que ficou feliz por te conhecer!

Imaginando estas palavras todas, enquanto faço algo tão humano como andar, supõem-se... Os pensamentos podem ser mágicos, de tão simples. Coisas na qual adorava-mós que acontece-se. Tantas vezes que gostava de fazer uma narração enquanto faço passos simples da vida, como andar, correr ouvir música. Relato frases na minha mente, frase que agora aqui faço. São momentos diferentes, mas no fundo iguais, frases da vida. Mas a vida tem tantas frases... Tanta descoberta, luta para a descobrir. Descobre realmente o significado da vida! Descobre a equação da vida, a tua frase que a característica. Descobre quem és, tu própria! Canta a tua música, não tenhas medo de mostrar quem és o mundo. Não importa realmente o que dizem sobre ti. A vida é todo isto, e tanta mais coisa. Aqui exponho a vida, em poucas fases, a vida podia ocupar todas e mais folhas que estão produzidas e para ser... A vida é tanta coisa!

Resultado de imagem para vida tumblr

Era só para vós avisar, que vou ter a minha 2ª parceria é com a Carolina do Blog Conselhos de Adolscentes. Como o próprio nome indica é sobre conselhos. Vejam que é muito giro :-) 

Beijinhos da Only one Girl

24
Ago16

Ergue-te

O toque de um piano, que sinto da pulsação das minhas veias. Sinto, a sua vibração. O toque do eco e a pulsação de o meu coração coincide. Como algo exato. Gostava de ser um piano, na qual posso tocar sempre um nova melodia, uma nova nota e uma nova etapa de vida. Posso não o ser, não não sou um piano. Mas posso imaginar e agir como, se fosse um piano. Hoje canto uma melodia feliz, amanhã canto uma triste mas vou conseguir achar outra feliz. A vida pode se assemelhar a um piano, mas um piano único. Só que nós próprios idealizamos. Algo privativo... A vida tem sempre fases más e boas, mas saímos sempre das más. Sempre, só se não o quisermos. A sempre uma luz, uma nova tecla a tecla para mudarmos todo. Mas não não podemos ficar parados, a busca desta tecla. A tecla tem que ser buscada, mesmo que só quiséssemos estar deitados ou a chorar. Os corajosos e os guerreiros, são aqueles que se levantam, mesmo sabendo que vão cair. São os que mesmo com todas as feridas erguem-se. Nós é que o decidimos, o que fazer. Se queremos ser guerreiros, se queremos buscar uma nova peça deste piano. Não voltar a fazer o conhecido... Só tu é que o decides fazer ou não. Mas não deixes oportunidades para fazer, deixa a tua mensagem escrita. Deixa que te conheçam e que todo saibam que eras quem realmente eras. Tens todos os sentimentos dentro de ti, mas tu é decides usar ou não. Tu é que decides quem és... Não deixam que te definam, sê livre, sê quem quer ser. Os sonhos realizam-se, todos não mas também tens que fazer para que se realizam. Realiza-te a ti próprio, mostra quem és o mundo. Mostra o que vales, e o que podes fazer. Que não abonadas uma luta, um campo de guerra. Deixa o teu piano guiar a tua nova melodia. Vive-a, não canta-a só, se decidires dança com todo a emoção! Sem quem queres que seja. Solta-te do que não te deixa fazer o que gostas, mesmo que te doa, mesmo que te fere. Se achas que é o melhor faz-o. mantém o teu sorriso na cara, és mais forte do que pensas. És o, somos feitos de carne sim somos. Mas está carne aguenta tanta coisa, consegue suportar tanta dor, alegrias e tristezas. Essa carne que só tu tens dentro do teu corpo e tua, e é mais conhecida do que o ferro. O ferro pode ser mais resistente, mas então por que não somos feitos de ferro? Há uma razão para todo o que está construido neste mundo. Há a razão de termos sentimentos, de termos a nossa carne, o nosso coração e a nossa cabeça. Um dia vamos aprender como relacionar todos este nosso sentidos psicológicos. Tu és forte, e podes ser que quiseres! És quem decides ser, se decidieres não ir a luta se calhar não te vais sentir recompensado. Mas a luta acontece por alguma razão, luta-a com as tuas forças e sentidos. Não deixes que te " matam " lá. Não deixes que te façam fazer o que não queres, segue as tua opiniões a risca. Tu és único no mundo, e tu é que decides ainda se queres ser mais único. Todo isto é um quebra-cabeças na qual andas a jogar na vida inteira. A vida pode se relacionar sendo tanta coisa. Basta termos imaginação...

*foi o que já ando a sentir a muito tempo e a querer expressar

Beijinhos da Only one Girl

16
Ago16

Um espelho...

Caminharei por uma porta aberta, uma porta que transmite-me todo o que sinto. A minha porta... Caminho com passos lentos, com calma sem pressas. Caminho por um rumo traçado, por uma longa direção, um sítio escuro que não tenho medo. No final algo sobressai, uma luz rezulante, algo cintilante, aproximo-me com os passos lentos com calma. Sei que não vai desaparecer, por meio da minha cabeça não tenho direção nem confirmação. Em cada passo que rumo até este meio de luz, sinto-me mais segura. A luz avança sobre mim, como alguém que nos abraça. Voa sobre mim. Enrola-me no manto azul cintilante, esquecendo-me completamente do chão preto que pisara a segundos até este rumo. Este manto dirigia-me para o seu lugar, o manto dirigia-me para a sua fonte. A fonte, que quase nós cega, mesmo assim caminho em direção a fonte. É estranho não tenho medo nenhum das consequências de este ato. Nada de mais, é a fonte, um espelho que deu está luz, mas um espelho com algo de diferente, por causa desta luz que remou até ele. O espelho absorveu toda está luz. Agora só resta a luz do espelho e o chão escuro que recreara em momentos. Um espelho especial cintilante, no meio escuro sem luz, nada que faça sentido para os outros mas para mim não podia fazer mais. Mesmo que não saiba porque... Aproximo-me desta fonte de luz que a momentos me transmitia arrepios, calma... Sentia-me reconfortada, mas agora apenas sinto frieza na minha pele, não medo mas algo que é transparente mas que me cobre. Aproximo-me deste espelho, que não é nada demais sem ser um espelho. Reflete a minha imagem como todos. Mas algo no espelho invisível me puxa para ele, não tenho medo desta ligação que o espelho tem sobre mim, caminho sobre ela. Sobre o seu traço que me puxa. Estou a 1 cm do espelho, mas ainda tenho a ligação que quer que toque. Agora tenho medo de tocar, não sei nada do que vai acontecer. Mas mesmo assim, deixo os pés no mesmo sítio. Sem sequer se mexerem. Sinto o meu coração a bater mais rápido e a minha respiração a acelerar. Parece que algo vai acontecer repentino, não tenho pressa para o fazer essencialmente. Sei que o vou fazer, tenho o rumo traçado e quero descobrir o que esconde. Lentamente levanto a mão com cuidade e direciono-a rumo a este espelho. Quando lhe toco sinto uma corrente eletrica. Fico estendida pelo chão, não sei por quanto tempo, mas sei que foi algum tempo... Arcodo, as pestanas não me pesam, não me sinto mal, não sinto essencialmente nada, sorriu sem direção estou bem como a algum tempo já não estava. Mas a há algo de estranho, partes deste vidro navegam sobre mim a minha volta, nenhuma me cortou. Apenas estão a minha volta, sinto um impulso vindo de mim para me pegar num. Pego-lhe, não me corta, não é vidro é algo fofinho. Algo carente, que precisa de ser acarinhado, usado, recordado. Olho para este pedaço e não vejo a minha face, vejo sim uma mémoria minha algo que tive a muito tempo mas que me relembro muitas vezes. É umas das mémorias da minha infância, algo meu.  Não percebo como um espelho consegue transmitir isto. Largo este pedaço como tanto cuidado como se fosse a vida de um bébe... Pego noutro, aspro, na qual me causa tristeza relembra-me não um pensamento nem uma recordação. Mas sim um sentimento, a tristeza.  Navego por cada destes pedados que me relembram coisas, ou me mostram coisas do futuro, este espelho é meu. Parte-se nos mais pequenos pedaços de vidro, que de textura caracterizam o que mostram. A ligação é minha, o espelho é meu. É por isso que cá cheguei. Para recordar todo. Os espelhos aumentam-se na minha mão para me mostrarem algo meu. Este espelho consegue me deixar a viver todos esses sentimentos, memórias com a mesma intensidade. Está sala na qual estou sentada, faz parte de mim consigo perceber. Já não me parece não escura, mas está. Os pedaços de vidro causam as cores que cá emparam, cores prevenientes do que está lá resgistado. Os meus olhos abrem-se, consigo saber exatamente onde estou, no meu quarto, deitada. Depois, de este sonho que sei que mais e mais vezes vai acontecer...

*Acho que isto não fez lá muito sentido, mas foi um pensamento meu que gostei muito de imaginar e acho que até ficou giro.

rgrrgrg.PNG

 Estou nos blog's quentes hoje. Em 4ª lugar, com o post um ano de blogger. Muito obrigada, por tudo :-) São um máximo :-)

Beijinhos da Only one Girl

 

 

 

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D